Siga Antenado instala 2 milhões de kits gratuitos com a nova parabólica digital em todo o Brasil

O benefício está disponível para famílias inscritas no CadÚnico que usam a parabólica tradicional para assistir à TV

0
68

 A Siga Antenado, entidade responsável pela substituição das parabólicas tradicionais pela nova parabólica digital nos lares de famílias de baixa renda, chegou ao marco de 2 milhões de equipamentos instalados gratuitamente em todo o país. A tecnologia garante aos beneficiários de programas sociais do governo federal, que assistiam à TV pelo sinal analógico, melhor qualidade de som e imagem e maior variedade de canais, incluindo programação local em diversas regiões do Brasil. 

A iniciativa é parte do esforço contínuo para apoiar as famílias de menor renda durante a migração do sinal de TV das parabólicas tradicionais para as novas parabólicas digitais, processo fundamental para garantir o acesso à televisão após a ativação da tecnologia 5G. O marco de 2 milhões de parabólicas instaladas foi alcançado apenas seis meses após a conquista do primeiro milhão. 

Uma das brasileiras beneficiadas é a dona de casa Maria Nazaré Firmino, moradora da cidade de Ceará-Mirim, no Rio Grande do Norte. Após ver a notícia sobre a necessidade da substituição da parabólica tradicional, ela entrou em contato com a Siga Antenado e agendou a instalação do seu kit gratuito.  “Através da rádio, aqui da cidade, fiquei sabendo que teria de fazer a troca da antena. Fiz o agendamento e agora assistir à TV é outra coisa. Acabou o sofrimento. Os canais pegam bem, não chia mais, a imagem é limpa”, garante a dona de casa. 

Leandro Guerra, presidente da Siga Antenado, avalia que os números representam o sucesso da entidade em duas frentes: logística e comunicação. “Mensalmente, a Siga Antenado amplia o número de cidades com agendamento aberto para a substituição da nova parabólica digital. Estamos presentes, com equipamentos, equipe técnica e comunicação, em mais de 3,4 mil municípios brasileiros, e vamos chegar aos 5.568 até o final do programa”, informa. “Fizemos um grande esforço para ampliar a atuação nos últimos seis meses, com mais profissionais nas cidades mais remotas do país, além da comunicação constante para que as pessoas conheçam o benefício. Foi isso que nos permitiu fazer mais um milhão de instalações em um semestre”, completa Guerra.

O programa começou em junho de 2022, no Distrito Federal, e, em seguida, atendeu as capitais e regiões metropolitanas.  Atualmente, vem liberando o agendamento para instalação gratuita do kit com a nova parabólica digital em municípios com mais de 100 mil habitantes e parte das cidades com população de até 30 mil pessoas. São 3.451 cidades com agendamento e instalação sendo executados até o momento. Até 2026, todos os 5.568 municípios brasileiros, além do Distrito Federal e Fernando de Noronha, serão atendidos. Essa assistência é oferecida sem custos para as famílias inscritas no CadÚnico e que tenham uma parabólica tradicional instalada e em funcionamento.

Mais de 1,4 milhão de instalações foram realizadas nas regiões Nordeste e Norte, onde ficam a maior parte dos inscritos no CadÚnico do governo federal. O restante foi dividido entre as regiões Sudeste, Centro-Oeste e Sul. 

Substituição da parabólica

A substituição da parabólica é necessária porque a tecnologia 5G utiliza uma faixa de frequência muito próxima à Banda C, por onde passa o sinal das antenas tradicionais. Dessa forma, à medida que o 5G é ativado nas cidades, os usuários da parabólica tradicional podem sofrer com interferência e até a perda completa do sinal de TV. 

Quem já assiste à TV pelo sinal digital terrestre (antena espinha de peixe), pela parabólica digital, por streaming (internet) ou é cliente de TV paga, não precisa fazer nada, pois não sofrerá qualquer impacto pela mudança.

Sobre a Siga Antenado

Siga Antenado é o nome fantasia da EAF (Entidade Administradora da Faixa), criada por determinação da Anatel. É a entidade responsável por apoiar a população durante a migração do sinal de TV utilizado pelas parabólicas tradicionais (Banda C) para o sinal das parabólicas digitais (Banda Ku). A Siga Antenado é formada pelas operadoras Claro, TIM e Vivo, que foram as vencedoras dos blocos nacionais do leilão do 5G, com as licenças da faixa 3,5 GHz. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui