Educação 5.0 é tema de workshop gratuito na Faculdade Santa Teresa

Especialista em Educação Personalizada e coordenador do Núcleo de Inovação e Tecnologia Educacional da Faculdade Santa Teresa, professor Lauro Rosas Neto. Foto: Divulgação.
Especialista em Educação Personalizada e coordenador do Núcleo de Inovação e Tecnologia Educacional da Faculdade Santa Teresa, professor Lauro Rosas Neto. Foto: Divulgação.

Na próxima terça-feira (24), às 19h, a Faculdade Santa Teresa realiza o Workshop “Educação 5.0: Educação a Distância (EaD) e Tecnologias de Aprendizagem e Conhecimento”. O evento é gratuito e voltado para estudantes e profissionais da área. Para se inscrever basta acessar o link even3.com.br/workshopedufst.

O workshop acontecerá no auditório da instituição, localizada na Rua Acre, nº 200, bairro Nossa Sra das Graças, zona Centro-Sul de Manaus. O evento contará com a presença da pedagoga Megaloni Maria de Almeida e o especialista em Educação Personalizada e coordenador do Núcleo de Inovação e Tecnologia Educacional da Faculdade Santa Teresa, professor Lauro Rosas Neto.

“O evento é uma oportunidade para discutirmos o que era e o que é hoje o EaD e a educação remota, as tendências dessas modalidades, além de falar sobre as tecnologias de aprendizagem e conhecimento. Vamos destacar as metodologias que utilizam a tecnologia como mediadoras entre os usuários de plataforma de educação”, informou Lauro Rosas.

A Educação 3.0, ele explica, é focada nas tecnologias e gestão. A Educação 4.0 é voltada para elementos digitais integrados. Já a Educação 5.0 é uma tendência de mercado, que envolve a Educação a Distância aliada às propostas adotadas nos demais tipos. Ou seja, une ferramentas, tecnologia, gestão e plataforma.

Segundo Lauro Rosas Neto, a Educação 5.0 é apoiada pela Lei 14.533, de 2023, que cria a Política Nacional de Educação Digital (Pned), com medidas de estruturação e incentivo ao ensino de computação, programação e robótica nas escolas.

“Essa nova legislação vai trazer impactos na formação dos profissionais de educação, que precisarão se qualificar para desenvolver competências essenciais para a Educação 5.0. Aqueles que não se atualizarem, encontrarão dificuldade no mercado de trabalho”, ressaltou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui