COPA DO MUNDO: Bares criam cardápios e drinks para atrair torcedor e aumentar faturamento

As caipirinhas brasileiras, com toques de regionalidade e servidas com estilo, estão no topo da preferência. FOTOS: Divulgação.

Jacira Oliveira

MANAUS – |A classificação antecipada da seleção brasileira, na última segunda-feira, com a vitória sobre a Suécia, aumentou as expectativas de bares e restaurantes em incrementar o faturamento. Para atrair o torcedor vale tudo, desde a decoração, com os motivos da Copa do Mundo e, claro, as cores da seleção brasileira, até colocar a criatividade para criar pratos e drinks inspirados nas seleções que disputam o mundial de futebol.

O Restaurante e Bar Mercê – avenida Jornalista Umberto Calderaro Filho, 455, loja 4, Adrianópolis – é um exemplo de que um trabalho dedicado pode render bons resultados. Além de transmitir todos os jogos da Copa, com direito a chamadas nas redes sociais, segundos antes de iniciar as partidas, a proprietária do bar, Bruna Brito, decidiu fazer o serviço completo: produziu flyer para distribuir na região, cards para as mesas, copos personalizados para os clientes, camisas de futebol para vestir sua equipe de trabalho e, obviamente, uma decoração estilosa e aquela promoção bem-vinda para o consumo de cerveja.

Mas, o que realmente está chamando a atenção e fazendo o maior sucesso, são os drinks e pratos inseridos no cardápio, inspirados nas grandes seleções que disputam o mundial. É possível encontrar petiscos em homenagem ao Brasil, à Argentina, França, sempre incluindo a experiência gastronômica de cada país.

“Somos muito focados na mixologia e buscamos sempre fazer pesquisas para saber a origem de cada bebida, onde se difundiu e o que está rolando nos bares do Brasil e do mundo”, explica Bruna.

Dessa verdadeira vocação de utilizar recursos modernos e sabores e aromas mais difundidos pela gastronomia, surgiram experiências como as caipirinhas de limão com cupuaçu, limão com maracujá e tomilho, limão com caju, servidas em canecas estilizadas – como as que são utilizadas para o mundialmente famoso moscow mule – e que fazem o maior sucesso.

Outros queridinhos são o Aperol Spritz (aperol, prosecco, laranja Bahia e água com gás), inspirado na Itália; o Penicillin (Whisky, limão siciliano, xarope de mel e gengibre), para Estados Unidos e a Margarita que não pode faltar quando se fala no México. A “carta” de drinks traz muitas outras novidades.

Equipe à caráter e decoração são outros itens para atrair clientes.

Se tem bebida internacional, também não poderia faltar a comida de boteco sem fronteiras. Arroz de pato (Portugal), Salada Niçoise e Steak Tartare (França), e linguiça (Argentina) estão entre as opções.

Expectativa – Para a empresária, os investimentos realizados para a Copa do Mundo e para o mês de dezembro como um todo ainda não deu o retorno esperado. “Depois das eleições o movimento foi fraco, mas o mês de dezembro, historicamente, é um dos melhores movimentos do ano e com a Copa do Mundo e o Brasil classificado, as expectativas aumentam. Vamos continuar trabalhando para atrair os torcedores/consumidores”, afirma.

De acordo com o presidente da Abrasel no Amazonas, Rodrigo Zamperlini, o movimento do setor está dentro do esperado para esse período. “Os estabelecimentos, principalmente bares e locais de eventos, que têm perfil para atrair o público que gosta de se reunir para assistir aos jogos do Brasil, estão com faturamento em alta e a classificação antecipada da seleção brasileira para a próxima fase da Copa do Mundo desperta ainda mais interesse pelos jogos”, afirma.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui