Ator José Dumont é condenado por armazenar pornografia infantil

O ator José Dumont, de 72 anos, foi condenado pela Justiça do Rio de Janeiro pelo crime de armazenamento de pornografia infantil a 1 ano de prisão e multa no valor unitário mínimo legal. A pena poderá ser cumprida em regime aberto e o ator poderá recorrer à sentença em liberdade. 

Na hora fixar a pena, o juiz do caso levou em conta o fato do crime não ter agravantes, o que poderia elevar a pena, e ainda o fato do ator ter mais de 70 anos.

A denúncia contra o ator partiu de vizinhos, que captaram pelas câmeras de segurança do condomínio em que moram Dumont cometendo abusos contra uma adolescente de 12 anos. Nas imagens é possível identificar o réu beijando e acariciando a criança. 

Ao cumprir o mandado de busca e apreensão na casa do ator, os policiais encontraram vídeos e fotos contendo pornografia infantil no celular pessoal e no computador. A Justiça também tinha autorizado a quebra de sigilo de dados.

Em novembro, o artista também se tornou réu em outra ação penal que apura suposto estupro de vulnerável. Ele chegou a ser preso, mas foi liberado dias depois, usando tornozeleira eletrônico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui